Vladimir Putin não é um louco a ameaçar o mundo, já Donald Trump…

O presidente russo Vladimir Putin, anunciou na semana que se encerrou que a Rússia possui novas armas nucleares.

Segundo se noticiou, os russos desenvolveram misseis inatingíveis pelos atuais sistemas de defesa. São os chamados misseis hipersônicos. Além de veículos subaquáticos não tripulados com capacidade de carregar ogivas nucleares e ainda, um sistema de armas a laser.

Putin anunciou todas as novidades armamentistas com um discurso ameaçador, iniciando, assim, o que se pode considerar o início de uma nova guerra fria.

Também na mesma semana, o presidente americano Donald Trump anunciou que os EUA taxarão em até 25% sobre o aço importado e em 10% sobre o alumínio. Segundo se notícia, a medida tem como argumento a proteção nacional dos EUA e a revitalização da indústria norte americana.

Vladimir Putin NÃO é um louco a ameaçar o mundo…

Vladimir Putin domina a política da Rússia há 18 anos e, caso vença as eleições este ano, chegará a 24 anos no comando do grande urso polar. Para alguns analistas, mesmo após deixar o Kremlin em 2024, Putin não deixará de ser o principal líder político de seu país. Nessa trilha, associá-lo a outro líder russo (nada lisonjeiro) é inevitável. Stalin.

Sob o comando de Putin, a Rússia anexou a Crimeia, usou de sua influência para desestabilizar a Ucrânia, Geórgia e Balcãs. Além de não esconder de ninguém sua participação na Síria. Será que essas incursões do presidente russo têm tornado o mundo mais seguro? Somente um débil pode responder de forma afirmativa essa indagação.

Não obstante, não se leem e muito menos se ouve o brado indignado dos pacifistas. Aonde estão eles, aliás?

Confesso que não tenho acompanhado o noticiário de forma adequada de modo que não tomei conhecimento das centenas de artigos alertando contra a escalada belicosa da Rússia. Diante desse silêncio dos analistas e especialistas que a imprensa não se preocupou em ouvir, chegamos à conclusão que NÃO, Vladimir Putin não é um louco a ameaçar o mundo.

Já Donald Trump…

O mesmo não se pode dizer de Donald Trump. Sua eleição foi rodeada de temores apocalípticos. E recentemente, EUA e Coreia do Norte assanharam as redações da imprensa. Diziam que dois loucos poderiam levar o mundo à terceira guerra mundial. Nada aconteceu.

Leia também nosso artigo Saída da Unesco é um pé na bunda que o governo Trump dá na ONU globalista

Por falar em guerra, a bola da vez é a guerra comercial. Artigos criticando a medida de Trump brotam à mão cheia.

É obvio, todo cuidado é pouco. Donald Trump e não Vladimir Putin é quem mais ameaça a paz mundial. Se não for por meios bélicos, o será por meio de taxação de aços e alumínios. Senão isso, será por qualquer outro artificio.

Em resumo, o mundo não se preocupa com Putin, é bem possível que torça pelo surgimento de outros iguais…

Apoie nosso trabalho e siga o voltemos à direita pelas redes sociais!

[aps-counter theme=”theme-2″]

 

Por Jakson Miranda

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *