O golpe do STF: Bolsonaro vira réu pelo que não disse

STF quer censurar Bolsonaro. Isso é golpe! É assim que poderíamos resumir a questão.

O deputado federal Jair Bolsonaro, um dos mais duros críticos da esquerda e com chances reais de sair-se candidato à Presidente da República em 2018, tornou-se réu no STF. A acusação que pesa contra o deputado é a de incitação ao estupro e injúria.

As denúncias nasceram de sua fala direcionada à Maria do Rosário, ao afirmar que JAMAIS a estupraria porque ela NÃO merecia.

É claro que Bolsonaro precisará tomar cuidado redobrado com cada fala sua. Artimanhas e armadilhas serão montadas unicamente com o fim de “pegá-lo”. Esse é o caso explícito desta ação.

Tudo bem que ele seja execrado pela esquerda. Mas, que fique claro, a acusação que lhe fazem, não tem base.

É estúpido e rasteiro perguntar a Bolsonaro se alguma mulher merece ser estuprada.

Justamente ele, Bolsonaro, que defende a castração química para estupradores?  Defende que haja as que merecem e as que não merecem ser estupradas?

A que nível chegamos?!

Jair Bolsonaro pode ser o primeiro réu condenado por aquilo que não disse. Isso é Brasil, minha gente!

Então ficamos assim

Caso Bolsonaro tivesse declarado que Maria do Rosário merecia ser estuprada, ele viraria réu por incitação ao estupro.

Como afirmou o contrário, torna-se réu do mesmo jeito. Isso é jurídico? Não! Isso é patético!

Diante de tamanha robustez de descalabro, só podemos entender o caso como um verdadeiro golpe.

 

Por Jakson Miranda

 

 

 

 

Related Post

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *