Sergio Moro NÃO SERÁ candidato em 2022

(Post publicado em 06/01/20)

Nesse texto, falarei porque, em minha opinião, Sergio Moro não será candidato em 2022. Logicamente que ainda temos mais três anos de governo Bolsonaro e até a próxima eleição para presidente, governador e legislativo, muita coisa pode acontecer e alterar o panorama político do país.

Feita a ponderação acima, não há dúvidas de que Sergio Moro tornou-se herói nacional por ter julgado com competência e maestria os casos da Lava Jato, daí decorre que muitos o querem ver na presidência da República. A perspectiva de Sergio Moro sair candidato já em 2022 é compartilhada por alguns personagens que claramente já deixaram de apoiar o atual governo e hoje trabalham de forma resoluta pelo seu insucesso. Destaco aqui o youtuber Nando Moura que em mensagem pelo twitter colocou o seguinte:

É claro que aqueles que estão “decepcionados” com o atual governo já no seu primeiro ano, veem em Moro um nome imediato e de apelo popular para comandar o país a partir de 2022. Em resposta a essa possibilidade, Jair Bolsonaro afirmou que “vai está em boas mãos o Brasil”. Ao fazer tal afirmação, Bolsonaro não deixou claro se disputará a reeleição.

Após a “PEC da reeleição” que deu possibilidade de todos os ocupantes de cargos eletivos disputarem um segundo mandato, todos os presidente de FHC à Dilma ganharam mais quatro anos no poder e acredito que não será diferente com Jair Bolsonaro, exceto se seu governo se mostrar catastrófico nesses próximos anos.

Por outro lado, mesmo que se prove um governo muito melhor que os anteriores, será inevitável que outros nomes, mesmo do entorno de apoio ao governo, sejam alçados a adversários na disputa pela presidência. A própria imprensa já começou a ensaiar nomes que antagonizem com o presidente Bolsonaro para 2022. É nesse contexto que não raro, se apontam ou se tenta criar fissuras entre Sergio Moro e Jair Bolsonaro.

Leia também:

Bolsonaro vai à catedral em Brasília ‘agradecer missão’

Sergio Moro explica indulto de Bolsonaro

O que vai acima revela que o cenário político brasileiro é bem diferente dos EUA. Lá, não há leis que permitam ou impeçam a reeleição. O que se tem nos Estados Unidos nada mais é do que uma tradição que garante ao ocupante do Poder Executivo, disputar o segundo mandato. Também inexistem leis que o impeçam de disputar um terceiro mandato, mas novamente, valendo-se da tradição, essa opção não é seguida, exceto por Roosevelt, que ficou no poder de 1933 a 1945.

O que quero dizer fazendo um paralelo entre o Brasil e os EUA é que lá muito raramente se insurgem nomes dentro do partido Republicano (quando o presidente da República é do partido) ou Democrata (também quando o presidente da República é do partido) para disputarem o posto pela presidência. Como já foi mostrado anteriormente, não é o que ocorre no Brasil.

Obviamente que se você chegou até aqui na leitura do artigo deve está se perguntando o que tudo isso tem a ver com o titulo do texto e já lhe respondemos. Tudo!

Em entrevista a Revista Veja em outubro de 2019, Moro deixou claro que Bolsonaro será seu candidato em 2022, por uma “questão de dever e lealdade”.

E vai além, “Como é que você vai entrar no governo e vai concorrer com o político que o convidou para participa?”.

Por fim, é possível dizer que embora Sergio Moro afirme que não tenha um perfil partidário, ao deixar claro que o atual presidente tem a primazia na disputa eleitoral, ele, Moro, está sendo um homem de partido. Em outras palavras, não tendo o perfil de político-partidário, Moro ensina como ter o perfil político-partidário: trabalhando pelo governo e sendo leal ao presidente.

Esse tipo de postura acaba sendo um soco no estômago de muita gente que votou em Bolsonaro para presidente pensando que estaria elegendo um ditador que “peitaria” tudo e todos ou um “deus”, que em nenhum momento cometeria erros.

Logo, por tudo que foi exposto, podemos dizer que Sergio Moro não será candidato em 2022.

Um comentário em “Sergio Moro NÃO SERÁ candidato em 2022”

  1. O Ministro Sérgio Moro, está agindo corretamente nessa questão em pauta.
    O Presidente Bolsonaro será reeleito. Ele está fazendo um excelente trabalho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *