Renato Janine Ribeiro é o novo Ministro da Educação e eu, como professor, estou de luto.

Poderia ter sido pior, meu lado otimista tenta argumentar, poderia ter sido a Marilena Chaui! É uma forma de se pensar, mas já passei do tempo de cair nas armadilhas das falsas consolações.

Estou de luto sim. A engrenagem da educação brasileira, já totalmente comprometida, recebe outro duro golpe. E a reconstrução de um sistema educacional sólido evanesce diante de nossos olhos.

Dilma já havia sido de uma incapacidade ruminante em sua primeira escolha, nomeando Cid Gomes, que com sua conhecida sutileza de um elefante bêbado na corda bamba numa loja de cristais, explodiu-se antes mesmo de sua nomeação ter sido digerida.

Não esperava que Dilma, sendo quem é, tivesse de repente um surto de bom senso e nomeasse alguém com contributos efetivos à área, era provável que mais uma vez ela enfiasse a mão dentro de sua cartola macabra e retirasse de lá mais um nome daqueles de deixar a gente com tremeliques.

Mas Renato Janine foi de doer!

Mais um a soldo do petismo rasteiro. Num cargo em que independência é crucial, somos agraciados com outro mero agente com uma longa lista de serviços prestados.

Saber que seremos norteados pela visão de um esquerdista do mais bruto calibre é desmotivador. Janine, junto com seus iguais, é um dos responsáveis pelo marxismo ditatorial versado na FFLCH. É um desses “tolerantes” que colabora para a perpetuação do sistema que faz com que um conservador que se meta a cursar algo lá seja diuturnamente acossado.

Não espero de Janine nada mais que o aprofundamento da doutrinação. Se o que já temos visto é de fazer devolver o almoço, o novo ministro, este pensador da sociedade, terá a oportunidade de implementar suas visões.

Por isso estou de luto. Porque não gostaria de vivenciar o pensamento de Renato Janine Ribeiro nas escolas brasileiras.

Mas poderia ter sido pior. Poderia ter sido Marilena Chauí…

Por Renan Alves da Cruz

 

Leia também: 

Dilma Rousseff, de 67 anos, diz que a corrupção no Brasil é uma “senhora idosa”. Não duvido

Grandes derrotas do PT são grandes vitórias do Brasil

Downton Abbey é o melhor programa da televisão atual!

O PT está com medo de você! Durma com este barulho!

O oportuno antipetismo de Marta Suplicy

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *