Pactos com o Diabo

Amigos, estamos alargando as estacas e agora, além do Voltemos à Direita, também publicarei artigos no portal Gospel Prime.

Convido aos que acompanham nosso trabalho aqui para cederem mais um tiquinho de seu tempo a este escriba, também na outra plataforma.

A essência final, posso garantir, é a mesma.

Meu primeiro artigo no Gospel Prime se chama Pactos com o Diabo. Abaixo, uma degustação:

Fazer uma negociata com o diabo em troca de benefícios terrenos se tornou um clichê da cultura popular. Literatura e cinema estão infestados de exemplos onde um diabo, também redesenhado pela cultura popular, concede desejos efêmeros a alguém, em troca de favores futuros ou da própria alma.

Via de regra a moral clássica para tais incursões é: Cuidado com aquilo que você deseja.

Estamos na Era do Desejo Irrefreável, onde nada pode ser aguardado, esperado ou não experimentado. O lema crowleyano, de fazer o que cada um quiser ser a única lei, deixou os círculos ocultistas para trafegar livremente na sociedade.

Qualquer um que se erga contra a premissa de que cada ser humano tem o dever e o direito de fazer tudo o que quiser para ser feliz é chamado logo de preconceituoso ou fundamentalista.

Geralmente atrela-se felicidade ao sexo, o que já demonstra a fragilidade estrutural da sociedade contemporânea. Sexo e poder ganharam status de sinônimos.

Na Era da Alegria Imediata nenhum senão pode ser interposto entre uma pessoa e aquilo que ela presume ser sua felicidade. Não há moral, ética, lei ou acordo social que freie o anseio da geração mimada.

(…)

Para ler na íntegra, clique AQUI

 

 

Por Renan Alves da Cruz

 

Leia Também:

1,7 livro lido por ano/habitante é vergonhoso, mas é consequência

Digressões sobre a esquerda adolescente a partir de Salinger

Downton Abbey é o melhor programa da televisão atual!

Globo, junto com você?

O Fracasso da novela Babilonia

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *