MINISTRO DA EDUCAÇÃO “MITOU”

(Post publicado em 27/06/19)

O ministro da Educação, Abraham Weintraub já demonstrou inúmeras vezes que não tem medo de enfrentar a patrulha esquerdista, ao contrário, enfrenta-os com serenidade, picardia e doses cavalares de ironia.

Sobre o caso envolvendo o sargento preso com drogas, em avião auxiliar na viagem do presidente Jair Bolsonaro, que participará no Japão da reunião do G20, Weintraub não se intimidou com o ataque que a esquerda vem fazendo de forma injusta, ao governo e em especial a Bolsonaro.

Pelas redes sociais, o ministro da educação partiu para o ataque:

Continuou o ministro:

No seu mimimi, a esquerda já começa a fazer um escarcéu… Sei lá do que irão acusar o ministro!

Leia também: 

TRF4 JULGARÁ LULA E PENA PODE AUMENTAR

Todavia, se tiverem o cuidado de fazer uma rápida pesquisa, descobrirão que a palavra “droga” tem vários significados.

Em linguagem figurada, podemos usar a palavra para se referir a “qualquer coisa que não é digna de crédito; falsidade, inverdade e mentira”.

“A droga do ex-presidente”, só falou mentiras. “A droga do governo anterior” levou o Brasil para o buraco e por aí vai!

Obviamente que os dependentes “psicológicos” do petismo, em outras palavras, os viciados em consumir as balelas de Lula e Dilma, tentarão extrair da fala do ministro da educação mais um “escândalo”. É compreensível! Fale algumas verdades para o dependente que logo seu comportamento se tornará agressivamente ameaçador. Mas repito, sejamos compreensíveis, afinal, o choro é livre!

Por Jakson Miranda

SIGAM-NOS PELAS REDES SOCIAIS E ASSINEM NOSSA NEWSLETTER!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *