PAULO HENRIQUE AMORIM TROCOU JORNALISMO POR MILITÂNCIA

O jornalista, quero dizer, o militante Paulo Henrique Amorim foi afastado do Domingo Espetacular da Rede Record.

Para Paulo Henrique Amorim, que já fez parte da Rede Globo, é um fim de carreira deprimente.

Pela experiência de vida e de carreira, o profissional agiu de forma extremamente amadora ao não conseguir separar suas preferências políticas da apresentação dos programas em que foi âncora.

O apresentador deixa o Domingo Espetacular após uma história de resistência. Esquerdista barulhento no blog Conversa Afiada, ele teve a cabeça pedida à Record inúmeras vezes desde 2014, quando a polarização entre esquerda e direita ficou mais acirrada. A emissora resistiu, afinal uma pesquisa apontou que o rosto do profissional era fundamental para a credibilidade da revista eletrônica. Nos últimos meses, ficaram fortes os rumores de que o jornalista teria sido demitido da Record por ser um ferrenho crítico do governo de Jair Bolsonaro (PSL), principalmente do ministro da Justiça, Sérgio Moro.  

Leia também:

RACHEL SHEHERAZADE PODE ESTAR DE SAÍDA DO SBT

Claro que agora a companheirada vai tentar vender a narrativa de que Paulo Henrique Amorim foi afastado por suas criticas ao governo. Isso é falso como nota de 3 reais.

A verdade é que Amorim não faz criticas nem ao governo e nem àqueles de quem ele discorda. O que se tem, são injurias e preconceito e por isso tem sido processado e condenado. Foi o caso do colega de profissão Heraldo Pereira, a quem Paulo Henrique Amorim chamou de “negro de alma branca” e Ali Kamel que Amorim o acusou de racista.

Enfim. O que se desaprova em Paulo Henrique Amorim não são suas preferências politico-ideológicas. O cerne da questão é o jornalista abrir mão do discernimento e racionalidade e aderir à militância, alimentada frequentemente,  pelo ódio e inverdades.

Por Jakson Miranda

SIGAM-NOS PELAS REDES SOCIAIS E ASSINEM NOSSA NEWSLETTER!

MENINO RHUAN: POR QUE CASO FOI POUCO DIVULGADO PELA IMPRENSA?

Confesso que não tive condições de lidar aqui no blog com o ocorrido com o menino Rhuan.  Embora muitas questões poderiam e podem ser levantadas em torno do brutal acontecimento: a desumanidade das criminosas, o radicalismo da ideologia de gênero e ainda, a omissão da imprensa.

Leia também: 

Um obstetra revolucionário no debate sobre ideologia de gênero

E embora ainda não me sinta a vontade de tratar do assunto, aceitei o convite da competente jornalista Ana Carolina Cury que gentilmente pediu meu depoimento sobre o caso. Na matéria escrita por Ana, Especialista questiona: “Por que caso do menino Rhuan foi pouco divulgado pela imprensa?” (Leiam a integra) encontramos o seguinte:

Para o professor e historiador Jakson Miranda o caso foi sim abafado pela mídia. “O macabro crime é digno de filme de terror. Diante desse cenário, questionamos a repercussão que o fato (não) teve na grande mídia.  Não assistimos nos principais jornais reportagens especiais, opinião de especialistas ou matérias investigativas. Isso nos leva a deduzir, sem exageros, que essa mídia resolveu abafar o caso.  Por que?  Porque trata-se de um fato da realidade que não atende à pauta ideológica a qual eles aderiram”, opina.

Será, então, que o motivo de pouca abordagem do caso seria para não colocar em voga a pauta da classe LGBT? Para Miranda sim. “A imprensa não quer ter que confrontar ou correr qualquer risco de parecer discriminatória contra esse grupo. Então, entre o grupo LGBT e a vida do menino Rhuan, os principais veículos de comunicação do país, escolheram o grupo. No último domingo houve passeata dos apoiadores e seguidores LGBT e, assim como a imprensa, não há registro de que tenham se manifestado sobre o crime”, conclui o professor e historiador.

Fecho este post lembrando do que disse Jesus em Lucas 11:11:

“E qual o pai de entre vós que, se o filho lhe pedir pão, lhe dará uma pedra? Ou, também, se lhe pedir peixe, lhe dará por peixe uma serpente”?

No mundo de hoje, contaminado por ideologias nefastas, a desumanidade é tanta que as pessoas não só  deixaram de amar seus filhos; tornaram elas mesmas, serpentes venenosas que ceifam a vida de inocentes crianças. Foi o que aconteceu com o menino Rhuan.

Por Jakson Miranda

SIGAM-NOS PELAS REDES SOCIAIS E ASSINEM NOSSA NEWSLETTER!

LUCIANO HANG IRONIZA SHEHERAZADE

Eita! A coisa tá bem divertida. (Muitos risos). Após oferecer emprego a Lula, Luciano Hang, dono da Havan, ironizou a jornalista Rachel Sheherazade.

Como noticiamos ontem no post RACHEL SHEHERAZADE PODE ESTAR DE SAÍDA DO SBT o SBT está demitindo alguns quadros do jornalismo da emissora e no caso de Sheherazade, ainda não há sinal de renovação do seu contrato, o que indica que ela não faz mais parte dos planos de Silvio Santos.

E por que Silvio Santos não a demite? Segundo andei lendo, isso não acontecerá. A multa rescisória é alta, logo, o mais vantajoso para o SBT é simplesmente deixar o contrato chegar ao seu termino.

Por outro lado, há quem diga que a jornalista fará parte da CNN Brasil que irá estrear em breve em território nacional e já conta com o renomado William Waack.

Leia também:

NAZISMO FOI DE ESQUERDA, PONTO FINAL!

Dito isto, Luciano Hang foi às redes sociais elogiar as demissões no SBT e sugerir o mesmo destino para Rachel Sheherazade.

Sentindo-se ameaçada e ofendida, a ancora do SBT Brasil, também por meio do twitter, informou que entrará com processo contra Luciano Hang.

“Já está registrado! Empresário chantageia a emissora onde trabalho e ainda vem à público pedir cabeça de jornalista. Já vi esse filme antes. Mas, agora, vai ter processo”

Se ela vai levar adiante isso é lá com ela. Será uma boa briga na justiça. Será que ela tem razão? Fato é que o dono da Havan não se intimidou e retrucou, ironizando Rachel.

Poxa! Já que Hang foi bastante generoso com Lula, prometendo-lhe emprego, será que não teria mais um posto para a jornalista? Seria algo bem icônico para toda a situação, ter Lula e Sheherazade trabalhando lado a lado. Fica a dica!

Por Jakson Miranda

SIGAM-NOS PELAS REDES SOCIAIS E ASSINEM NOSSA NEWSLETTER!

NAZISMO FOI DE ESQUERDA, PONTO FINAL!

Nazismo foi de esquerda, sim senhor! E quem discordar escreva um artigo refutando o que estamos dizendo.

Pois bem. Qual a diferença entre nazismo, fascismo e comunismo? Bem, é ponto pacifico que o comunismo é de esquerda. Também deveria ser em relação ao nazismo.

Escrevi aqui no blog, um artigo em que demonstrava o caráter genocida de ambas as ideologias: comunismo e nazismo. NAZISMO MATA! COMUNISMO TAMBÉM. Meu artigo fora uma tardia resposta a “discussão” que se instalou nos principais jornais do país diante do comentário feito pelo Chanceler Ernesto Araújo associando o nazismo a esquerda.

Não devemos nos alongar no fato de que a suposta “discussão” empreendida pela mídia tenha dado espaço somente a “especialistas” que pensam o oposto do chanceler.

Ainda mais antigo é meu artigo sobre a banda de rock Iron Maiden. (Iron Maiden no Brasil: Heavy metal antiesquerdista) Escrito em 2015. Na ocasião já deixei explicito que sim, o nazismo foi de esquerda!

Há alguns dias, um dos leitores do artigo fez o seguinte comentário:

“Cara você parte de uma premissa extremamente equivocada e de um revisionismo histórico totalmente anti acadêmico ao afirmar que Hitler era progressista ou esquerdista. Toda sua argumentação parte desse pressuposto errado, então não da nem pra discutir os pontos que você levantou.
Mas isso não quer dizer que eu concorde ou ache que o Iron é uma banda de esquerda. Apenas acho que sua visão de associar o nazismo a esquerda joga toda sua argumentação na lata de lixo”.

Em resposta ao comentário acima e para horror e desespero da esquerda, afirmo e comprovo que sim, o nazismo foi de esquerda!  Repito: nazismo e comunismo são de esquerda.

Em toda a discussão encabeçada pela mídia, não vi nenhuma menção ao ótimo livro Tempos Modernos do historiador Paul Johnson. Ok! Faço eu.

Na obra em questão, Johnson mostra as raízes darwinistas e marxistas do antissemitismo que povoou a Europa entre o final do século XIX até a segunda guerra mundial. Isso por si só já é prova suficiente para mostrar aonde que Hitler foi buscar “inspiração” ideológica.

“O anti-semitismo parece ter surgido na Alemanha por volta de 1870 e 1890, numa época em que os filósofos sociais do tipo determinista usavam os princípios da seleção natural de Darwin para desenvolver leis que explicassem as mudanças colossais causadas pelo industrialismo, pelo surgimento de megalópoles e pela alienação dos imensos proletariados sem raiz”. 

“O anti-semitismo moderno teórico derivava-se do marxismo e abrangia uma seleção (por razões de conveniência econômica, política e nacional) de uma parte determinada da burguesia passível de agressão”.

Para fechar a questão quanto ao nazismo ser de esquerda, Paul Johnson não deixa dúvidas e assinala de forma categórica:

“… Acrescentou as palavras ‘Nacional Socialista’ ao nome do partido. Apesar de usar algumas vezes a palavra as palavras nacionalismo e socialismo, como se fossem permutáveis, o elemento radical e socialista sempre permaneceu forte no seu programa. Nunca foi, em qualquer sentido, um político burguês ou conservador, ou um expoente, ou defensor do capitalismo”.

UAU! Eu poderia me regozijar esfregando isso na cara dos esquerdistas. Não o farei. Apenas sinto vergonha alheia e pena da falta de leitura dessa gente.

Fecha o autor de Tempos Modernos,

“A política de Hitler, ao criar um partido de elite de vanguarda, numa base de massa, foi, é lógico, copiada da experiência de Lênin. Em aspectos importantes, ele permaneceu um leninista até o fim…”.

Não há meios honestos de refutar uma colocação dessas. Não meios honestos de refutar os fatos, então, o que sobra a esquerda é criar um falso consenso e querer dividir com os conservadores aquilo que é único na ideologia de Marx: a aniquilação de todos aqueles que são considerados obstáculos do “novo mundo”.

Por Jakson Miranda

SIGAM-NOS PELAS REDES SOCIAIS E ASSINEM NOSSA NEWSLETTER!

RACHEL SHEHERAZADE PODE ESTAR DE SAÍDA DO SBT

Rachel Sheherazade não existe mais. Não a que conhecíamos e passamos a admirar. A jornalista que foi atacada por petistas e defendidas com unhas e dentes pela direita, passou a atacar justamente estes últimos.

O que aconteceu com Sheherazade é semelhante ao que aconteceu com a hoje senadora Kátia Abreu. Apresentam-se de uma forma e no meio do trajeto transformam-se em algo totalmente diferente. É a chamada “vira casaca” que só mesmo um bom psiquiatra poderá explicar, após anos de estudo.

Leia também:

Baderna geral da esquerda provoca morte de trabalhadora – De quem será a culpa?

Lógico que isso não pega bem. No caso de Rachel Sheherazade fica evidente que sua carreira estagnou e diariamente a âncora do SBT Brasil recebe criticas acidas. Não por conta da sua independência, que foi o que a tornou conhecida, mas sim, por conta de sua adesão as teses daqueles que hoje defendem não um Brasil melhor, mas, o retorno daqueles que ferraram com nosso país.

Sim, Sheherazade, é uma das que abraçou a peça de publicidade criminosa lançada pelo “jornalista” Glenn. Se tiverem estomago forte, clique AQUI e vejam o vídeo que não deixa dúvidas.

Não á toa, podemos dizer que a mudança de postura de Rachel pode ser o fator determinante para sua saída do SBT. Isso porque a emissora de Silvio Santos está promovendo uma série de demissões no jornalismo da casa.

“A última edição do SBT Notícias, que foi ao ar na semana passada, foi comandada por João Fernandes. Depois, ele descobriu que também não seria mantido na empresa. Outro nome que entrou na mira foi o de Rachel Sheherazade.

A âncora do SBT Brasil é detestada nas redes sociais por admiradores do presidente Jair Bolsonaro (PSL). Muitos deles mandam e-mails para o canal pedindo que ela não siga como contratada. As críticas que ela faz na web contra o governo causam irritação neles. A renovação do contrato da famosa pode acabar não sendo realizada”.

Muito me entristece tudo isso. Rachel Sheherazade é inteligente e pode fazer mais do que videos raivosos contra o presidente, Moro e governo. Ela é obrigada a se alinhar com o governo? Não! Mas confunde independência jornalistica e oposição com certo ativismo notadamente de esquerda.

Por Jakson Miranda

SIGAM-NOS PELAS REDES SOCIAIS E ASSINEM NOSSA NEWSLETTER!

E o que dizer do Caio Coppolla…?

Caio Coppolla é um jovem comentarista da rádio Jovem Pan. Atualmente, participa do programa Morning Show.

Já mencionamos o nome de Coppolla em um ótimo artigo escrito pelo nosso colonista e editor Renan Alves da Cruz  Caio Coppolla, Rock, Roadie Crew e conservadorismo

E o que mais dizer sobre o comentarista?

Participou da manifestação no último domingo e sobre os atos em defesa das reformas, deu uma resposta a altura a sua colega de trabalho, Vera Magalhães. Procurem na web.

Agora, acabo de assistir ao comentário feito por Caio no programa já mencionado, Morning Show, sobre a carta que o papa Francisco enviou ao presidiário Lula.

Muita coisa me veio a mente para escrever, mas, qualquer coisa que eu colocasse aqui sobre os minutos dedicado ao tema seriam, creio, insuficiente e não transmitiriam a inteireza da coisa.

Assim, deixo o vídeo na integra. Ao final do mesmo, vem-nos a indagação: o que dizer sobre Caio Coppolla…?

Por Jakson Miranda

 

GOVERNO BOLSONARO ESTÁ SE DESMILINGUINDO

Desmilinguindo vem do verbo desmilinguir que significa “ser desmontado”, “ficar completamente desfeito”, “desmanchar-se todo” e por aí vai. Então, estaria o governo Bolsonaro se desmilinguindo já nos seus primeiros meses de mandato? Esse é o prognóstico após as manifestações de ontem.

Segundo o Estadão as manifestações desgastam o governo, já fragilizado por derrotas no Congresso Nacional.

Tudo isso é sinal de que o governo Bolsonaro está se desmilinguindo. Logicamente que não é essa a opinião deste blogueiro. A frase foi usada pelo cantor e compositor Lobão.

Em outra mensagem, Lobão ainda disse:

Pela lógica do artista, o governo está trilhando um caminho errado, sendo respaldado apenas pelos seus filhos e por Olavo de Carvalho.

A proposta de Reforma da Previdência, o contingenciamento de verbas na Educação e outras medidas tomadas pelo presidente e que agora dependem do Congresso estão REDONDAMENTE EQUIVOCADAS ao ponto de reduzir o governo a cinco pessoas?

Há aqueles que clamam para que o presidente acene ao Congresso por um pacto de governabilidade sem questionar, no entanto, se esse Congresso quer uma governabilidade que não seja o mesmo fisiologismo de governos anteriores.

Leia também:

OLAVO DE CARVALHO TEM RAZÃO? DANILO GENTILI RESPONDE

Sinto muito! Mas o presidente está certo quando afirma que a maioria dos que deixaram de trabalhar e foram às ruas “protestar” são “idiotas úteis” e “imbecis usados como massa de manobra”. Afinal, para os arautos da governabilidade o governo Bolsonaro está se desmilinguindo por querer fazer a coisa certa. Surreal!

Chego por fim à conclusão de que devemos decidir: ou concorda-se com o governo, ou concorda-se com o Congresso. Ou concorda-se com o presidente Bolsonaro ou concorda-se com aqueles que foram as ruas flertarem com o caos e com a volta da esquerda ao poder. Trata-se de uma decisão que deve ser refletida na ida as ruas, em defesa de um lado ou de outro.

O GOVERNO BOLSONARO ESTÁ SE DESMILINGUINDO, cabe a você leitor e eleitor de Bolsonaro, concordar ou não com esse prognóstico. O Brasil, mas uma vez, está chegando a uma encruzilhada.

Por Jakson Miranda

SIGAM-NOS PELAS REDES SOCIAIS E ASSINEM NOSSA NEWSLETTER!

EXPLICANDO A PARALISAÇÃO DE PROFESSORES E ESTUDANTES

É possível que você não esteja entendendo bem a paralisação nacional da educação. Ou talvez, por considerar o ensino algo tão nobre, e é, pode ser que muitos sejam simpáticos à queixa de professores e estudantes.

Afinal, todo sacrifício pode ser feito para equilibrar as contas do governo, mas, não é possível sacrificar a educação.

Leia também:

O método Paulo Freire é uma balbúrdia

Bem, vamos explicar didaticamente o que está em jogo.

É isso! Uma grande parte dos ditos “estudantes” que irão as ruas hoje “protestar” não passam de marmanjos que não têm vergonha de ainda serem sustentados pelos pais, pior, está há anos cursando a mesma graduação. (Estudante que cursava história há 15 anos é desligada da Universidade Federal do AP)

Vergonhoso!

Todavia, o que mais pode ser lastimável é a adesão de muitos professores. Alguns estão sendo apenas massa de manobra. Estarão na Paralisação de hoje movidos apenas pelo “oba, oba”.

Não é demais concluir hipoteticamente, que pai e mãe da imagem acima, sejam ambos, professores.

Por Jakson Miranda

OLAVO DE CARVALHO TEM RAZÃO? DANILO GENTILI RESPONDE

Olavo de carvalho tem razão quando critica o PT. Olavo de Carvalho tem razão quando fala do Foro de São Paulo. Em qual momento da nossa política o nome de algum pensador alinhado com o conservadorismo foi evocado em grandes manifestações? (Olavotemrazão) Pois bem, é chegado o momento de dizer que Olavo não tem mais razão?

Todos nós sabíamos que não seria fácil. A vitória nas eleições representaram apenas uma batalha vencida numa guerra que está longe de acabar. Ou seja, a vitória de Jair Bolsonaro não representa a consolidação do pensamento conservador em um ambiente político e cultural que por meio século é dominado pela esquerda. Precisamos queimar muita lenha e vencer muitas outras batalhas.

Ainda não temos uma mídia conservadora! Ainda não temos instituições acadêmicas e literárias que discutam, estimulem e valorizem o pensamento conservador. Nem mesmo um partido conservador há no Brasil!

A mesma mídia que até outubro criavam fake-news contra a candidatura de Jair Bolsonaro estão hoje ciosas pela governabilidade e apontam Olavo de Carvalho como o elemento desestabilizador do governo. De fato, o “guru” comprou briga com integrantes do governo, em especial os militares.

Leia também:

MILITARES NO PODER: Existe algo de MUITO ERRADO acontecendo

Intervenção militar e o blá,blá,blá de Reinaldo Azevedo

O que Olavo de Carvalho tem contra os militares é algo que pretendemos abordar em outro post, mas não são poucos os que já perceberam a natureza da coisa e dão razão ao filósofo. Em postagem nas redes sociais, o humorista Danilo Gentili tratou de evidenciar o óbvio.

Muita coisa ainda virá à tona no decorrer dos dias. Até 2022 muita água irá passar por debaixo da ponte.

Na contramão de Gentili, muitas outras personalidades não estão mais com Olavo de Carvalho. Outros, pregam um “silêncio” do “pensador de Virginia”. Argumentam que o véio está dividindo a direita e está atrapalhando o atual governo.

Dentre aqueles que não estão mais com Olavo e “pularam fora” não há como esquecer da jornalista Rachel Sheherazade. Reinaldo Azevedo foi outro. Alexandre Frota nunca se declarou um “olavete” mas surfou na onda Bolsonaro e hoje ataca tanto Olavo como as pautas do presidente eleito.

Agora, é a vez do cantor e escritor Lobão que em mensagem no twitter chamou Olavo de farsa.

Ufa! É muita treta! Resta saber quem está com a razão. Ainda é válido dizer que Olavo de Carvalho tem Razão?

Por Jakson Miranda

SIGAM-NOS PELAS REDES SOCIAIS E ASSINEM NOSSA NEWSLETTER!

AFILIADA DA GLOBO DEMITE E JORNALISTA XINGA BOLSONARO

Nunca o jornalismo da Globo esteve tão longe do presidente da República quanto agora, com Jair Bolsonaro. Por tudo que a Globo representa é algo a ser comemorado. Como consequência da “nova era”, as demissões já começaram. E os demitidos mostram sua verdadeira face.

No estado da Bahia, a afiliada local da Globo demitiu 40 funcionários. Entre eles a ancora do BATV, Priscila Guedes. Ao se despedir dos seus telespectadores, a jornalista deixou seu recado via redes sociais: “Bolsonaro é o caralho. Lula livre, porra!“.

View this post on Instagram

#LULALIVRE ❤️

A post shared by Priscila Guedes (@priaguedes) on

Dizer que faltou postura profissional à jornalista é como chover no molhado. Estou certo que entre seus seguidores de Instagram muitos votaram em Jair Bolsonaro.

Leia também:

PREFEITO DE NOVA YORK: Esposa feminista, abortista e bissexual

Aliás, a jornalista demonstra total falta de respeito para com o presidente da República.

Agora, resta a nobre Priscila Guedes correr atrás de um novo emprego. Dentre as alternativas, está a de assessora de imprensa do presidiário em Curitiba.

Tchau, Priscila. A fonte secou!

Por Jakson Miranda

SIGAM-NOS PELAS REDES SOCIAIS E ASSINEM NOSSA NEWSLETTER!