Chega, cansei de fake news no WhatsApp

Faltando poucos dias para a votação de segundo turno, surge uma nova “polêmica” eleitoral: o uso de fake news no WhatsApp. Segundo reportagem da Folha, que logo foi abraçada pelo petismo como verdade incontestável, a campanha de Jair Bolsonaro estaria usando robôs para envio de mensagens em massa.

Por obvio, se é crime usar recursos não declarados para fazer campanha, então, que se puna o candidato, evidentemente, desde que se comprove minimamente, que a campanha valeu-se de tais recursos.

Siga o Voltemos à Direita nas redes sociais e assine a newsletter para receber todos os nossos artigos.

Agora, por que a campanha do candidato Bolsonaro faria uso desse expediente? Valer-se de recursos de caixa 2 para o pagamento de serviços para WhatsApp? Sinceramente, não vejo lógica!

E outra, o que me impede de contratar uma empresa para que seja divulgada uma campanha contra o PT ou em favor de Jair Bolsonaro? Esse meu ato, recairá em punição ao candidato do PSL? Também, não vejo lógica!

O que há de verdade em toda essa história é que os donos do poder de momento estão surpreendidos com a quantidade galopante de simpatizantes que Bolsonaro conquistou. São homens, mulheres, senhores e jovens que enxergaram no deputado federal a única esperança viável de mudança. São esses simpatizantes que divulgam via WhatsApp e de forma voluntaria as ideias do candidato pelo PSL. Que isso soe como um escândalo e crime para o petismo, não me surpreende!

Desde que saiu a reportagem da Folha, mais de uma vez me vieram perguntar se isso daria em algo. Minha resposta foi negativa e até o momento nada aponta que será o contrário.

Mas de verdade, estou cansado de fake news no WhatsApp! Que a ministra Rosa Weber mande investigar e puna severamente quem inventou essa fake news de que o candidato do PT é poste e marmita de presidiário.

E essa outra fake news que diz que o PT apoia o regime ditatorial na Venezuela? Existe mensagem mais mentirosa do que essa? Sim! Há aquela outra do Petrolão! Meu Deus!

Também cansei de ver o candidato da minha preferência ser associado ao nazismo, ao fascismo, ao racismo, ao machismo, à homofobia, ao ciclismo, ao taxismo, etc, etc, quando se sabe que nenhuma dessas acusações é verdadeira e só servem para agredir e desinformar aqueles que não conhecem Jair Bolsonaro. Isto sim é fake news e até o momento, ninguém, nem da grande imprensa, nem do TSE ou PGR preocupou-se em investigar e punir os disseminadores desse tipo de mensagem. Seria por que é a própria grande imprensa quem propaga essa fake news?

Por Jakson Miranda

Related Post

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *